24 de mar de 2009

Regras desregradas


Hoje ao chegar em casa meu filho estava vendo pela 893742386 vez o filme "Carros" da Pixar, ou seja não foi uma surpresa. É uma das melhores animações que já vi (apesar de ter visto umas 893742385 vezes), as imagens são lindas, a trilha sonora excelente e o tema de corridas e carros sempre me encantou. Recomendo, principamente para quem tem meninos em casa.

Vendo o filme lembrei das palhaçadas nas regras da fórmula 1 que foram mudadas de surpresa pelos "donos" da categoria na semana passada e logo depois, com reclamações de toda mídia e das equipes foram "desmudadas".

Aconteceu o seguinte: o campeonato de F1 é decidido por pontos, cada posição na corrida equivale a uma certa quantidade de pontos e o piloto que consegue a maior pontuação após todas a corridas é considerado campeão. E os gênios "donos" da F1 decidiram mudar isso, fazendo que o campeão fosse não quem tivesse mais pontos e sim aquele que tivesse mais vitórias. Valorizar vitórias é excelente, mas ignorar a regularidade estraga toda a graça das corridas.

Bom, e o que isso tem a ver com o filme? Explico:

No começo do filme o personagem principal, o McQueen pensa como os donos da F1:

"One winner. 42 losers. I eat losers for breakfast." (Um vencedor. 42 perdedores. Eu como perdedores no café)

Mas no final o Tex, o dono da melhor equipe do torneio pistão fala como os donos de equipes da f1:


"There's a whole lot more to racin' than just winnin'". (Existem muito mais coisas nas corridas do que vencer")

Ou seja a realidade imitou o filme. Ridículo...

Nenhum comentário: